ZAP vai actualizar os preços dos seus serviços.

2639

Através de um comunicado, a operadora ZAP informa que, face às mudanças na economia nacional, nomeadamente a desvalorização da moeda nacional Kwanza, a empresa tem vindo a enfrentar grandes dificuldades no pagamento aos seus fornecedores internacionais e no exercício das suas actividades comerciais.

A ZAP avança que, como operadora de televisão por satélite, os canais que compõe a sua grelha, são comprados internacionalmente, e pagos montantes elevados pelos direitos de transmissão dos mesmos. De igual modo, são pagos em moeda estrangeira e os custos da tecnologia associada ao serviço e operação da ZAP, como são exemplo o aluguer de satélite e a compra de equipamentos.

A operadora deixa claro que não pretende aumentar os preços, mas sim actualizar os mesmos face à depreciação do Kwanza, algo vital para a sustentabilidade da empresa. Entretanto, continuaremos a aguardar como e quando serão anunciados os novos preços dos serviços da Zap.