A privacidade vai além dos dados e conformidade

0
2413

O relatório da Cisco Data Privacy Benchmark Study afirma que os eventos em torno da crise do Coronavírus em todo o mundo levaram a uma maior valorização do conceito de privacidade entre as organizações.

Segundo o relatório da Cisco, a privacidade está a receber mais atenção das organizações. Os orçamentos de privacidade dobraram em 2020. Em média, isso agora é de USD 2,4 milhões por organização pesquisada. Um total de 4.400 profissionais de segurança que também lidam com privacidade responderam às perguntas. A opinião geral sobre a legislação de privacidade é positiva. Além disso, 90 por cento dos entrevistados indicam que os certificados de privacidade externos (como ISO 27701 e EU Binding Corporate Rules) desempenham um papel importante na escolha de produtos, serviços e fornecedores.

Uma das principais razões para o aumento da atenção é a situação em torno da Covid-19. Trabalhar em casa tornou-se e é a norma. Isso levanta questões sobre privacidade. Além disso, também houve mais consciência da privacidade entre os funcionários. Combinam situações privadas e profissionais em situações de trabalho doméstico e desejam que a sua privacidade seja garantida.

Em si, as razões acima são bastante lógicas, de uma perspectiva tradicional de privacidade de dados. Como organização, você se concentra nos seus dados e na sua proteção ideal. No entanto, os analistasm veem a principal mudança a acontecer aqui, com base nos resultados do relatório. “Não se trata mais apenas de privacidade de dados, o que acontecia há muito tempo”, dizem eles. Isso é apenas parte da questão da privacidade.

Parte que é fortemente impulsionada dentro das organizações pelo desejo de estar em conformidade com as directrizes, leis e outras regras. “Agora se trata de privacidade no sentido mais amplo”. Com isso, ele se refere ao impacto da privacidade em outras partes com as quais uma organização deve lidar.

A propósito, o estudo não é conclusivo sobre se essa relação entre a maturidade da política de privacidade e o sucesso comercial de uma organização é causal. “Para fazer isso, você realmente teria que perguntar aos clientes se a privacidade era realmente um motivo importante para a escolha de um fornecedor”, afrimam os analistas. Em todo caso, os sinais deste estudo parecem apontar nessa direção.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here