Angola e International Finance Corporation analisam transformação digital no país

0
1243

O ministro das Telecomunicações, Tecnologias de Informação e Comunicação Social, Manuel Homem, e o vice-presidente da International Finance Corporation (IFC), Sérgio Pimenta, analisaram na última semana, na capital do país, as principais áreas para parceria e desenvolvimento do sector em Angola.

Durante o encontro entre os dois governantes, foram apresentadas as acções e projectos desenvolvidos e em execução pelo Executivo Nacional, bem como pelo sector privado, e também foram analisadas as possíveis áreas de cooperação com o Banco Mundial, que se manifestou disposto a apoiar na materialização das metas para a transformação digital no país.

Levando em conta as acções enveredadas pelo MINTTICS, Manuel Homem apresentou ainda no encontro o quadro actual de questões ligadas à fibra óptica e a partilha de infra-estrutura, matéria em que o IFC mostrou interesse em trabalhar e reforçar com o diploma orientador dos operadores para evitar a duplicação de investimentos.

MAIS: Angola presente na 10ª reunião da Smart Africa

De referir ainda que foram também analisadas as melhores opções de partilha, sobretudo ao nível da rede móvel, além da gestão dos cabos submarinos assegurada pela Angola Cables, pois há necessidade de apoio para que se tenha maior rentabilidade deste projecto.

Os dois responsáveis discutiram igualmente a questão da rede de banda larga, principalmente um suporte do IFC, na identificação da melhor forma de expansão da cobertura de serviços e comunicações electrónicas, numa altura em que há comunas sem sinal, embora as capitais provinciais estejam em pleno nesta vertente.

No mesmo encontro abordou-se a economia digital no nosso continente, pelo que se manifestou interesse numa aposta forte neste projecto, devido à relevância no mundo moderno, sobretudo a banca.

Manuel Homem pontualizou ainda Sérgio Pimenta sobre o que Angola está a fazer para a expansão da economia digital, em que as redes de telecomunicações jogam papel importante, daí a razão delas serem resilientes e capazes de proporcionar a funcionalidade dos serviços.

Com essas áreas abertas, os dois responsáveis e suas delegações concluíram haver necessidade de se trabalhar e ver as formas de maximizar a economia digital no país, bem como o e-commerce, mobile money, as taxas de pagamento de licenças.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui