Ataques DDoS aumentam em quase 24% no terceiro trimestre de 2021

0
1197

A Kaspersky lançou o seu mais recente relatório de ataques DDoS (Distributed Denial of Service), que revelou que houve um aumento de quase 24% de ataques desse tipo em 2021, em comparação com o mesmo periodo em 2020.

Na investigação da empresa de cyber-segurança, mostrou ainda que o número de ataques DDoS “inteligentes”, mais sofisticados e direcionados e podem ser utilizados para perturbar serviços, tornar certos recursos inacessíveis ou para extorquir dinheiro, aumentou 31% no terceiro trimestre de 2021, o que refletiu um aumento face ao trimestre anterior.

Os Estados Unidos continuam a ser o país que mais sofre ataques de DDos, com 40,8% dos ataques, seguindo-se Hong Kong e China. Uma nota ainda muito importanete revelada nesse recente relatório, foi também que a Kaspersky detectou um número recorde de 8.825 ataques DDoS num só dia.

Para os engenheiros da empresa, informam que alguns dos ataques em larga escala registados no último trimestre envolveram uma botnet chamada Mēris, capaz de enviar um elevado número de pedidos por segundo e que foi detetada em incidentes que tiveram como alvo duas publicações online de cibersegurança, a Krebs on Security, do conhecido jornalista Brian Krebs, e a InfoSecurity Magazine.

MAIS: O que é Log4Shell, a quem isso afecta e como se corrige?

De referir ainda, que entre as tendências verificadas ao longo do terceiro trimestre deste ano destacam-se uma série de ataques com motivações políticas na Europa e na Ásia e contra criadores de videojogos.

Os cibercriminosos levaram também a cabo operações para impactar recursos de combate à pandemia em vários países, registando-se ataques contra fornecedores de telecomunicações no Canadá, nos EUA e no Reino Unido.

Falando em alusão ao relatório divulgado, Alexander Gutnikov, especialista em segurança da Kaspersky, diz que a empresa de cybersegurança tem visto nos últimos anos uma competição por recursos entre, por um lado, grupos de cibercriminosos especializados em ataques cripto, e por outro, atacantes que se dedicam a ataques DDoS.

Enquanto anteriormente víamos um declínio nos ataques de DDoS à medida que as criptomoedas ganhavam valor, agora estamos a assistir a uma redistribuição de recursos. Os recursos de DDoS são procurados e os ataques são rentáveis. Esperamos ver o número de ataques DDoS a aumentar no quarto trimestre, especialmente porque, historicamente, os têm sido particularmente elevados no final do ano“, afirma o especialista.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here