Ruanda tem o primeiro sistema de entrega de sangue por Drones

1495

849x493q70simon-rwanda-drones

O Ruanda lançou o primeiro sistema de entrega de sangue por Drones, que será usado para fornecer sangue aos pacientes em áreas remotas do país. Os Drones que foram criados pela Zipline, vai começar a entrega de sangue em 21 instalações de transfusão na parte ocidental de Ruanda, onde as estradas pobres e infraestrutura de saúde, muitas vezes dificultam a chegada aos pacientes em necessidade.

ruanda
21 Estações de Transfusão de Sangue do Ruanda

Estes Drones podem voar até 150 Km (ida e volta), e levam até 1,5 quilos de sangue. Os hospitais podem encomendar o sangue através de uma mensagem de texto e terão o sangue num recipiente que terá um  pára-quedas  no local, num período de 15 minutos em média, eliminando a necessidade de refrigeração a bordo ou isolamento.

A Zipline iniciou suas primeiras entregas de sangue esta semana, e planeia expandir para o Ruanda oriental no início do próximo ano. Vale ainda salientar que a empresa  está estudar as probabilidades do sistema ser usado para fornecer vacinas e outros medicamentos.

Esse de certeza é um sistema que o Ministério da Saúde de Angola poderia adoptar para fazer chegar o sangue ou medicamentos em nas zonas criticas de acesso no território nacional , de certeza que iríamos salvar mais vidas.

Veja como funciona o sistema no Ruanda: