Facebook anuncia nova ferramenta de privacidade

499

O Facebook anunciou uma nova ferramenta de privacidade que permite, desde esta terça-feira, ver e controlar a informação que algumas aplicações e sites partilham com a gigante tecnológica para melhorar anúncios direcionados.

Na verdade, o usuário terá o poder de decidir se empresas ou terceiros podem ter acesso aos seus dados pessoais e registros de navegação dentro da plataforma. A medida, prometida pela empresa desde maio de 2018, é uma resposta ao escândalo Cambridge Analytica na última eleição presidencial norte-americana.

Os usuários terão que procurar proativamente o novo recurso nas suas configurações, onde verão uma lista de empresas e sites que partilharam dados com o Facebook. Os usuários então têm duas opções principais:

  • Limpar todos os dados de navegação da sua conta, o que significa que não será mais usado para segmentação de anúncios;
  • Dizer ao Facebook para parar de vincular esses dados à sua conta no futuro. Os usuários podem fazer isso de forma holística, o que significa que nenhum dado de navegação será vinculado a partir de qualquer aplicativo ou site, ou impedir o pareamento de dados para aplicativos e sites específicos.
Para activar a funcionalidade será preciso ir ao menu definições e encontrar um separador chamado ‘Actividade Fora do Facebook‘. Há vários passos e implica ler muitas coisas para chegar a esta ferramenta. É possível que muitas pessoas acabem por não activá-la porque requer muito trabalho.

O recurso, que segundo o Facebook demorou mais que o esperado devido a obstáculos técnicos, tem limitações. Aqueles que usam o recurso de login do Facebook para entrar em aplicativos externos, por exemplo, não podem separar os dados coletados daquele aplicativo de seus perfis.