Geólogo angolano Marco Carlos, entre os vencedores do concurso Space4Youth Essay da ONU

1677

Nos últimos anos, a temática ligada aos recursos hídricos no país tem estado a ganhar mais ênfase, principalmente pela seca que assola o Sul de Angola, onde vários esforços tem estado a ser efectuado para mitigar o mesmo, dentre as quais, a parceria entre o Gabinete de Gestão do Programa Espacial Nacional (GGPEN) e Massachusetts Institute of Technology (MIT), com o o projecto “Sistema de Apoio às Políticas de Combate à Seca no Sul de Angola”  com o objectivo de fornecer dados ao Governo angolano por intermédio de um software, que vão gerar informações precisas para auxiliar a resolver a problemática da seca cíclica no Sul do país

Mas os trabalhos não param por ai, agora, o geólogo angolano e especialista em gestão de recursos hídricos, Marco Carlos, é um dos vencedores do concurso de redação sobre a utilização da tecnologia espacial para combate à escassez da água, do Gabinete das Nações Unidas para os Assuntos do Espaço Exterior (UNOOSA, da sigla em inglês), em colaboração com o Space Generation Advisory Council (SGAC) – Conselho Consultivo da Geração Espacial.

O jovem angolano apresentou o projeto “EFUNDJA: An Angolan Geospatial Project for Flooding Control”, que remete às enchentes, cheias ou inundações sazonais. Consiste numa plataforma digital vocacionada ao monitoramento, gestão e alerta de inundações, servindo de solução preventiva para os efeitos adversos provocados por este desastre natural.

De informar que o projecto EFUNDJA esteve na 72ª edição da Feira de Ideias, Invenções e Novos Produtos (iENA 2021), que decorreu na cidade de Nuremberga, de 4 a 7 de novembro de 2021, onde venceu uma medalha de prata, ainda como ideia.

Na edição de 2022 do concurso Space4Youth Essay Competition!, foi destacado a escassez de água como um grande desafio global, onde  participantes apresentaram um ensaio sobre o tema “O espaço como ferramenta para acelerar a mudança na gestão sustentável dos recursos hídricos, hidrologia e proteção dos ecossistemas aquáticos”, embora que pudessem escolher o seu próprio tema dentro desse tema central.

Como prémio, Marco Carlos terá a oportunidade de participar de uma viagem aos EUA para se reunir com representantes do sector espacial norte-americano e participar de um acampamento espacial adulto no US Space & Rocket Center em Huntsville, Alabama.

Para saber mais sobre os outros vencedores clica em aqui.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui