Inventores Ugandeses criaram um casaco que pode detectar pneumonia mais rápido do que um médico

0
2014

A obtenção errada de diagnóstico de pneumonia pode ser fatal.  Segundo o UNICEF, a pneumonia mata meio milhão de crianças menores de cinco anos cada ano na África subsaariana. Com vista a mudar este quadro no continente, os inventores do Uganda Turyabagye e Koburongo começaram a formular ideias sobre como lidar com o problema em andamento. Eles consultaram especialistas médicos para entender os sintomas específicos da doença.

Após várias pesquisas, com a ajuda de seu tutor Mwikirize Cosmas na Universidade de Makerere em Uganda, Turyabagye e sua equipe criaram a Mama-Ope, um casaco biomédico inteligente que aumenta rapidamente a precisão e velocidade do diagnóstico da doença.

Mama-Ope, traduzido em português que significa  “Esperança para a Mãe”  é um casaco a que mede a temperatura corporal, frequência cardíaca e condição pulmonar para poder detectar a pneumonia.

Como funciona?

A tecnologia é semelhante a um estetoscópio. Ele estende-se por todo o peito e o lado do corpo de um paciente. Ele pesquisa pontos específicos nos pulmões para sintomas de pneumonia, caracterizados por um inchaço dos pulmões causado por infecção.

Segundo um dos inventores deste dispositivo, o casaco mitiga quase todo o erro humano e pode diagnosticar pneumonia três a quatro vezes mais rápido do que um médico.

O casaco está conectado via bluetooth a uma aplicação para smartphones, que envia, grava e analisa os dados médicos, pronto para um profissional de saúde para fazer um diagnóstico mais apurado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here