Nova patente permitirá a Mastercard unir criptomoedas com dinheiro tradicional

1226

Recentemente a Mastercard adicionou sensores de impressão digital aos seus cartões de pagamento, mais uma novidade aos seus cartões. Pelos vistos a empresa acaba por ganhar mais uma boa nova.

Mastercard recebeu uma nova patente do Escritório de Marcas e Patentes dos Estados Unidos (USPTO), que concede a empresa direitos para um método de “gerenciamento de reservas fraccionárias de moeda blockchain”.

Qual foi a justificação da Mastercad?

A empresa justifica a patente explicando como os usuários têm preferido cada vez mais criptomoedas para moedas fiduciárias devido ao seu anonimato. A empresa acredita que alguns consumidores optaram por moedas digitais em um esforço para evitar fraudes.

No entanto, a Mastercard argumenta que as criptomoedas garantem muito pouca protecção aos recebedores de fundos. Enquanto os pagamentos fiduciários tradicionais são processados ​​em questão de segundos, as transacções de criptomoedas podem levar até dez minutos.

Além disso, o documento afirma que as pessoas ficam surpresas com criptomoedas e blockchain porque são muito diferentes dos métodos tradicionais de pagamento. Por essa razão, a combinação de sistemas já existentes para moedas fiduciárias com activos digitais poderia promover a adopção e, ao mesmo tempo, reter os benefícios da descentralização.

Ansioso por esta união?