É oficial: atribuição de nomes e números na Internet deixa de ser controlada pelos EUA

0
2082

global-computer-internet-network-on-abstract-background-on-shutterstock

Desde que foi criado a Internet e o seu principal serviço  denominado  DNS (Domain Name System) eram controlados pelos Estados Unidos da América  através da IANA (Internet Assigned Numbers Authority) até dias atrás, mas agora a gestão da Internet passou a ser gerida pela ICANN (Internet Corporation for Assigned Names and Numbers), uma entidade sem fins lucrativos.

Essa mudança aconteceu no dia 01 de Outubro de 2016, essa mudança importante aconteceu de forma silenciosa. Para a maioria terá passado de forma despercebida, mas foi nesse momento que os Estados Unidos deixaram de controlar a IANA e o DNS, tendo passado este controlo para o ICANN.

Esse processo já tem sido preparado há 18 anos, apesar de ter sido apenas oficializado agora. Desde 1998 que este processo tinha sido iniciado, sempre com a ideia de que, quando acontecesse, não causasse qualquer problema para os milhões de utilizadores a nível mundial.

Na práctica, isso significa que a IANA, que mantém todas as listas de números usados em protocolo IP (números de protocolos, números de portas, endereçamento…) e controla a raiz do sistema de DNS, deixará de ser supervisionada pelo governo norte-americano. É a IANA que distribui IPv4 e IPv6 para os registros regionais (ARIN, RIPE, APNIC, LACNIC e AFRINIC).

Haverá melhorias com essa mudança de Gestão? 

Claro que sim, a ICANN pretende tornar a gestão da rede global mais aberta e independente dos países e de outras entidades. Esta mudança finalmente retirou o controlo da Internet aos Estados Unidos, algo que muitos queriam e esperavam.

O fim do contrato da ICANN com o Departamento de Comércio norte-americano resultará também na transferência da sede, actualmente na Califórnia, para um país neutro. Assim, podemos partir do princípio que a Internet deixará de ter qualquer tipo de influência do governo americano.

 

Será que essa mudança é uma mais valia?

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui