Rússia pode destruir cabos submarinos e bloquear a internet na Europa

2567

Putin tem um poder incalculável nas mãos e as consequências para e a Europa e para o mundo, poderão ainda estar muito longe de serem conhecidas. Há agora um novo dado que poderá provocar um “apagão devastador”.

Segundo especialista, Vladimir Putin poderá avançar para o corte de cabos submarinos por onde passam 97% dos dados da internet europeia todos os dias.

Pode ler-se no jornal italiano Il Messaggero, entre os possíveis alvos na mira de Moscovo estão os cabos submarinos na costa irlandesa, por onde passam 97% dos dados da internet europeia todos os dias, além de 10 triliões de dólares em transações financeiras e dados confidenciais. Este corte poderia, assim, levar a um “apagão devastador“.

São longos quilómetros destes cabos submarinos, difíceis de defender na sua extensão e a sua sabotagem teria um efeito devastador em todo o continente e nas respetivas economias.

MAIS: Presidente da Rússia concede cidadania russa a Edward Snowden

De acordo com um especialista em estratégia militar da Marinha dos EUA, os cabos podem ser atacados pelos submarinos “hunter killer” de Putin, construídos especificamente para essa tarefa. Esses submarinos seriam equipados com braços robóticos para adulterar ou cortar cabos. Os submarinos espiões Losharik são transportados sob um enorme submarino “navio-mãe” (o Belgorod) e construídos para se esconderem no fundo do oceano.

A verdade é que as ameaças vão sendo deixadas ao mundo ocidental. Ainda esta semana um colunista da agência RIA Novosti disse que “se a Rússia decidisse mostrar do que é capaz, escolheria todos os tipos de objetos perto do Reino Unido, incluindo cabos submarinos e os mesmos tubos, gasodutos“.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui