Técnicos do GGPEN recebem formação da AIRBUS em montagem e testes de grandes satélites

0
1541

A sensivelmente um ano, técnicos do Gabinete de Gestão do Programa Espacial Nacional (GGPEN) foram certificados em França, para controlar o Voo do AngoSat-2 que provavelmente será colocado em órbita no próximo ano. Não obstante à isso, mais de 25 especialistas do mesmo gabinete encontram-se, desde terça-feira, em formação para certificação internacional em montagem, integração e testes de satélites de grande porte, incluindo testes eléctricos e em termo vacum.

De acordo com um documento do GGPEN, publicado no site do Ministério das Telecomunicações, Tecnologia de Informação e Comunicação Social (MTTICS), a referida formação resulta da parceria existente com a Rússia e a Airbus, no âmbito do projecto AngoSat-2. O informe indica ser a primeira vez que a Airbus ministra um curso de certificação desta natureza para uma instituição africana da área espacial, com formadores especialistas da empresa aeroespacial e bélica europeia, com vasto conhecimento e experiência na indústria espacial internacional.

MAIS: Semana Mundial do Espaço marcada com vários eventos organizados pelo GGPEN

A acção formativa, com duração de um mês, possui módulos constituídos à medida das necessidades e desafios do Gabinete de Gestão do Programa Espacial Nacional, no quadro das actividades espaciais em curso. A mesma está a decorrer na sede da Airbus, na cidade de Leiden, localizada nos Países Baixos. A formação é igualmente um complemento ao objectivo do Plano de Desenvolvimento Nacional (PDN-2022) de continuar a formar especialistas de excelência na área espacial.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui