Twitter anuncia função similar aos stories do Instagram

0
589

Twitter anunciou a sua própria versão do Stories, função já presente nas principais redes sociais no mundo, agora com o nome de “Fleets”. O Brasil será o primeiro a ter este tipo de conteúdo disponível, e ao contrário das outras redes sociais, estes não podem receber gostos, respostas ou partilhas.

O objectivo com a não partilha totalmente pública dos Fleets deve-se ao fato de haver utilizadores desconfortáveis com a natureza pública e alcance da partilha. O utilizador pode assim mostrar o que está a pensar apenas aos seus seguidores, sem expor totalmente a informação no seu perfil. Tal como nos outros casos, após 24 horas a publicação desaparece.

Como usar o Fleets do Twitter

Primeiro é importante que o seu Twitter esteja com a última versão instalada.

  • Para criar um fleet, basta clicar no círculo com a sua foto e um sinal de “+”;
  • Outra forma de adicionar um fleet é acessar o seu perfil e clicar na sua foto de perfil. Note que ela ficará com um contorno na cor cinza, que remete ao ícone do Fleets.
  • O próximo passo é escrever o seu ‘fleet’. É possível adicionar, além de textos, GIFs, imagens da galeria e fotos tiradas do próprio Twitter. Depois de adicionar o conteúdo, basta clicar em “Fleet”, destacado em branco e azul.
  • Depois de publicado, usuário consegue ver quantas pessoas visualizaram o seu fleet, além de poder transformá-lo em tweet e publicá-lo no seu perfil. Usuário também pode excluí-lo, se preferir.

Rumores indicam que o Twitter também está a desenvolver uma nova ferramenta para que dê mais controlo aos utilizadores para determinar a audiência do público, mas são testes que ainda não iniciaram.

VIASocial Media
COMPARTILHAR
Artigo anteriorCabinda: Tchiowa Hub promove informática nas comunidades
Próximo artigoSeedstars Summit 2020 será online
Daniel Afonso Geto Estudante de Engenharia de redes e telecomunicações escreve sobre tecnologia precisamente por ser a sua área de formação, ser algo que ama fazer e para si é um previlegio fazer parte do maior site angolano de notícias ligadas à TIC.Partindo do princípio, parar é morrer, é também detentor das certificações: Administração de Redes, CCNA Routing, CCNA Switching e CCNA Security.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here