Veja como foi o StartupDojo Luanda Setembro 2017 “Especial SeedStars”

0
2398

Um lembrete para as startups angolanas: a candidatura para o Seedstars Luanda termina no dia 05 de Outubro. O evento está marcado para o dia 13 de Outubro.

Para passar a palavra e incentivar os empreededores a participarem deste evento de cariz mundial, a equipe da KiandaHub decidiu organizar o StartupDojo Luanda, Edição Especial Seedstars.

Dizando Norton - MenosFios.com

Às 10:00 o recinto estava bem preenchido, o Mestre de Cerimónias, Dizando Norton, chamou então o primeiro convidado. Anderson Marques, representando a, bastante conhecida, Jobartis, falou sobre Marketing Digital.

Anderson Marques partilhou a sua experiência como gestor de conteúdos para as redes sociais na Jobartis, partilhou algumas ferramentas importantes para exercer a função e recebeu várias perguntas da platéia constituida por um público com competências diversas, desde estudantes de TI, profissionais de TI, representantes de aceleradoras, potenciais investidores…

Anderson Marques (Jobartis)

Pitches

Um dos momentos mais aguardados em todas as edições do StartupDojo, os pitches, ou seja, os “5 minutos” em que algumas startups têm a chance de mostrar ao público o seu trabalho, os seus projectos, as suas soluções.

1. Adilson Pedro – Startup#Crinos

Adilson Pedro - menosfios.com
Adilson Pedro (Crinos)

A Crinos apresentou toda sua gama de softwares com destaque para os softwares virados para o mundo empresarial. A startup lançou há algumas semanas um projecto social, para cadastramento de itens perdidos e achados, o projecto “Ta Aki“.

2. Alfredo Kayesse – Startup#Metrikus

Alfredo Kayata (Metrikus)

A Metrikus é especializada em Marketing Digital e o seu representante, Alfredo Kayesse, partilhou os 3 pontos-chave da startup: Conteúdo, Estratégia, Design. Durante a apresentação o orador deu exemplos com algumas empresas conhecidas no mercado Angolano, mostrando como a marketing digital pode ajudar a melhorar o seu desempenho.

3. Doriel Fonseca – Startup#Deya

Doriel Fonseca (Deya)

Quem tem uma ideia e não consegue tirar do papel por falta de recursos financeiros, poderá finalmente ter a chance de resolver esse problema. Essa é a proposta da Deya, uma plataforma de financiamento colaborativo (CrowdFunding), em que o autor da ideia partilha o seu projecto, oferece uma recompensa e solicita a participação da comunidade. Se as pessoas gostarem da ideia elas poderão patrocinar e no final receber o produto.

4. Jailson Bernardo – Startup#Rapidinho

Jailson Bernardo (Rapidinho)

A última startup prometeu fazer uma apresentação rápida, para fazer jus ao seu nome “Rapidinho“, um serviço de entregas com 3 meses de funcionamento e grandes projectos pela frente. Então se quiser encomendar algo e não tiver como buscar, pelos vistos a solução é usar o serviço oferecido pela “Rapidinho”.

Momento Seedstarts

Joel Epalanga, responsável pelo KiandaHub partilhou detalhes sobre esta edição do Seedstars Luanda, indicando as inúmeras vantagens de se participar num evento deste género.

Para partilhar a sua experiência de participação nas duas edições do Seedstars Luanda, Cláudio Kiala partilhou como a Soba-eStore evoluiu desde que decidiu participar no Seedstars.

Coding Dojo

Na sessão mais técnica do dia, Henrick Kakutalua veio partilhar conhecimentos necessários para o desenvolvimento de Aplicações nativas com Xamarim. Os APPs Xamarin aplicam uma proposta multiplataforma e de reaproveitamento de código para Windows Phone, Android e iOS. O Xamarin utiliza C# e .NET Framework como base para desenvolvimento, com código unificado.O orador fez a demonstração de uma aplicação que lista os utilizadores Angolanos no Github.

Um evento bastante positivo pela aderência, com a sala totalmente preenchida, a organização terá de limitar os lugares no próximo evento.

Vejam mais fotos do StartupDojo Setembro 2017.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here