WhatsApp passa a mostrar que mensagens foram reencaminhadas

511

WhatsApp começou a informar quando uma mensagem não foi escrita originalmente por quem a enviou, em mais uma iniciativa para tentar diminuir a disseminação de notícias falsas.

Esta nova contextualização ajuda a determinar se aquele amigo ou familiar escreveu a mensagem que enviou ou se esta veio originalmente de outra pessoa, explica o WhatsApp no texto onde apresenta a novidade. Agora, a solução de mensagens vai mostrar claramente a indicação sobre se determinada mensagem de texto, áudio, vídeo ou imagem foi reencaminhada.

O aviso vem com uma etiqueta com a palavra “encaminhada” ao lado de uma seta no início da mensagem.

A empresa também diz que encoraja os usuários a pensar com cuidado antes de partilhar mensagens encaminhadas. A ideia, pelo visto, é ajudar no combate a informações falsas, que se alastram muito facilmente — às vezes com consequências fatais.

A nova função está disponível para todos os usuários do serviço com a actualização mais recente do aplicativo. Na última semana, o WhatsApp anunciou que dará 20 bolsas para pesquisadores com projectos relacionados à disseminação de notícias falsas e seu combate.

Segundos as últimas notícias, dão conta que os rumores de raptos de crianças e de tráfico de menores têm sido espalhados na Índia através do WhatsApp e que a aplicação também poderá ter sido usada para desinformação sobre a vacina da febre amarela no Brasil.