Conheça os dez países com mais ataques cibernéticos do mundo

2061

Um relatório da empresa de segurança digital NSFOCUS apresentou os dez países mais atuantes em ataques cibernéticos no mundo. Em termos de distribuição geográfica dos endereços IP de origem, a China, os EUA, a Índia e o Japão foram quatro países a apanharem os primeiros lugares.

Em termos de distribuição geográfica dos endereços IP de origem, a China, os EUA, a Índia e o Japão foram quatro países a apanharem os primeiros lugar salvos, sofrendo em conjunto cerca de 76% dos ataques.

Até 31 de Dezembro de 2020, 14.443 vulnerabilidades encontradas em 2020 tinham sido adicionadas à Base de Dados Nacional de Vulnerabilidade (NVD). A figura seguinte mostra o número anual de vulnerabilidades registadas na NVD durante um período de 22 anos, de 1999 a 2020. Em comparação com 2019, o número de novas vulnerabilidades em 2020 diminuiu.

O ano de 2020 testemunhou um impacto sem precedentes no que concerne a cibersegurança da pandemia da COVID-19. Com a construção e desenvolvimento da Internet industrial, redes 5G, inteligência artificial, e segurança de dados vieram novos requisitos de segurança cibernética. Para acompanhar a economia digital em expansão, NSFOCUS garante que, intensificará os seus esforços na investigação sobre cibersegurança, continuando a desenvolver e fornecer produtos, soluções e serviços de operações de cibersegurança de nível empresarial em torno da sua competitividade central.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui