Em breve vai poder ouvir livros no Spotify

0
966

O Spotify anunciou a adesão de livros em formato de áudio (audiobooks) ao serviço de streaming, após a aquisição da empresa de distribuição Findaway. Esta última, e através do seu negócio Findaway Voices, distribui audiolivros para várias plataformas e oferece serviços de criação, juntando autores e narradores.

Além da música e dos podcasts, o Spotify quer “inovar” e “democratizar” a plataforma para este novo serviço, investir na descoberta de livros em formato de áudio e permitir que mais pessoas criem e publiquem audiolivros, sendo “o que torna plataforma tão poderosa do ponto de vista do criador”, disse Nir Zicherman, chefe de audiolivros no Spotify, à publicação The Verge. Embora ainda não seja certo, a plataforma poderá ter planos de assinatura como tem para a música, o que vai ajudar a contabilizar o consumo de audiolivros.

A nova aquisição vai permitir à empresa lucrar, dado que receberá uma comissão sempre que alguém comprar um livro distribuído pelo Findaway na plataforma. Por sua vez, também o Spotify terá de pagar comissões a outros distribuidores e autores de audiolivros sempre que as pessoas comprarem um livro em formato de áudio na plataforma, tal como acontece em relação à música.

MAIS: Conheça o Blend, novo recurso do Spotify que permite localizar pessoas com o mesmo gosto musical

Zicherman reforça a vontade que a plataforma tem em oferecer todo o tipo de conteúdo de áudio aos seus utilizadores, revelando que já no início de 2022 estarão disponíveis mais audiolivros através de uma parceria com o Storytel, também conhecido pelos seus serviços de livros em áudio. Em janeiro deste ano, o Spotify trabalhou com o Youtube na distribuição de leituras de livros clássicos como Frankenstein e com a escritora J.K. Rowling – autora de Harry Potter e a Pedra Filosofal para distribuição deste mesmo livro em formato de áudio.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here