FILDA 2021: Ministério das Telecomunicações cadastra empresas de publicidade e marketing no evento

0
1162

Desde o primeiro dia da edição 2021 da Feira Internacional de Luanda(FILDA), que arrancou no dia 30 de Novembro último, o evento conta com um sistema para registo on-line das empresas que actuam no ramo de publicidade e marketing, visando actualizar o número de operadoras, denominado “Showroom”.

A iniciativa é do Ministério das Telecomunicações, Tecnologias de Informação e Comunicação Social (MINTTICS), através da Direcção Nacional de Publicidade, e tem como objectivo auxiliar na venda de produtos e serviços, diversificar e expandir canais, promover acordos e alianças, lançar novos produtos e estender o mercado da publicidade e marketing para todo o território nacional.

Segundo o que a nossa redacção apurou, o evento “Showroom” compreende a segunda e mini exposição temática que decorre em simultâneo com a Feira Internacional de Luanda (FILDA), e nos quatros dias do evento vai buscar congregar os profissionais da área e alinhar as estratégias para a captação de investimentos e cada vez mais anunciantes, em um momento em que a indústria da publicidade é das  mais afectada pela redução de negócios gerados pela pandemia da Covid-19.

Para o MINTTICS, a ideia é também encontrar-se com os operadores as melhores saídas, além de aproveitar o certame para divulgar as leis que regulam a actividade.

MAIS: Ministério das Telecomunicações realiza 1ª edição da Feira Nacional de Publicidade e Marketing

O registo é feito de forma gratuita, através do Portal dos Serviços Públicos Electrónicos (SEPE) do Governo de Angola, bem como permite cadastrar uma empresa e simular os custos de pagamentos dos emolumentos.

Isabel Lili,  técnica da Direcção Nacional de Publicidade, falando aos jornalistas, informou que ainda não é  possível o utente fazer o pagamento por não haver ainda autorização do Ministério das Finanças e publicação em Diário da República, mas por outro lado o MINTTICS, através da Direcção Nacional de Publicidade, está a promover o registo e a passar certificados provisórios para garantir que as empresas possam operar sem limitações.

Para colmatar esse desiderato, estão a ser feitos pré-registos no Stand, através do preenchimento de uma ficha.

O processo é simples e pode ser feito pelo utente com o recurso a um dispositivo electrónico, sem precisar ter a Internet”, afirma Isabel Lili.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui