INAPEM pede maior colaboração para reforçar o ecossistema de empreendedorismo digital nacional

0
1052

Para que as Startups e Micro, Pequenas e Médias Empresas (MPME´s) angolanas encontrem no mercado serviços e soluções para às suas necessidades é obrigatório que todos os “players” colaborem entre si, defendeu o Presidente do Conselho de Administração (PCA) do Instituto de Apoio as Micro, Pequenas e Médias Empresas (INAPEM), João Nkosi.

O gestor público que falava no lançamento do “Programa Emergentes” da Comissão do Mercado de Capitais (CMC), que visa orientar e apoiar startups, pequenas e médias empresas (PME), com elevado potencial de crescimento no mercado, frisou que o objectivo desse programa é fomentar o micro empreendedorismo no mercado nacional, sem esquecer que o mesmo vai conferir maior robustez e capacidades para enfrentarem as adversidades de um mercado que cada vez mais está competitivo.

MAIS: “Programa Emergentes”. Saiba tudo para que a sua startup ou PME seja escolhida

João Nkosi referenciou que é preciso a criação de um ecossistema, que de um lado, fomenta o surgimento de novas startups e MPME´s, e do outro lado, capacita e promove monitoria, para que estas consigam manter-se no mercado devendo constantemente encontrar soluções de facilidade e de financiamento às startups e MPME´s.

Segundo ainda o responsável do INAPEM, sublinhou que todas as iniciativas que visam melhorar o ecossistema das startups e MPME´s nos diversos domínios ou estágios constituem prioridade para as instituições vocacionadas para o apoio as Startups e MPME´s, conforme os vários programas do PDN 2018-2022.

De informar que o “Programa Emergentes” da Comissão do Mercado de Capitais destina-se a apoiar as pequenas, médias empresas (PME) e statups, com elevado potencial em diversos estágios de crescimento, bem como aprimorar as práticas de governação e gestão, maturação dos seus produtos e serviços, de forma a habilitá-las a emitir instrumentos financeiros no mercado de capitais.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui