Whatsapp já é uma das principais fontes de notícias em alguns países

0
1779

O Whatsapp está a deixar de ser apenas um aplicativo de partilha de imagens e vídeos engraçadas. O app está a se tornar uma das principais fontes de notícias em alguns países.

De acordo com um estudo conduzido pelo Instituto Reuters de Jornalismo, a Malásia se destaca entre os 34 países analisados em todo mundo. Mais de 50% dos entrevistados indicaram o WhatsApp como forma de tomar conhecimento de notícias, ao menos, uma vez por semana.

Nos Estados Unidos da América e na Inglaterra, apenas 3% e 5% dos entrevistados, respectivamente, veem o Whatsapp como fonte de notícias. O Brasil aparece em segundo lugar no ranking do instituto. 46% dos brasileiros ficam a saber de notícias pelo WhatsApp.

 

O Facebook e o YouTube são as principais fontes de consumo de informação do mundo. Apenas o Japão e a Coreia do Sul não têm o Facebook como a principal plataforma onde se consome notícias, destacam-se nesses países o YouTube e a Kakao Talk (uma rede social local).

O Instituto indicou alguns factores importantes para o WhatsApp ter se tornado importante para notícias:

  • O Whatsapp tem o benefício da criptografia, que permite que as mensagens trocadas sejam sigilosas e livres do monitoramento de governos;
  • Alguns países oferecem planos de internet móvel com WhatsApp ilimitados;
  • As rádios de diversos países também usam o serviço de mensagens para se comunicar com o público.

Será que o Whatsapp também já tem sido uma fonte de notícias para os angolanos?

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here