Alemanha aprova a lei que permite espionagem via WhatsApp

0
2159

A Alemanhã aprovou nesta sexta-feira,23, uma controversa lei que autoriza a interceptação de mensagens trocadas por meio de aplicativos como o WhatsApp, Messenger Telegram, sob o argumento de combater o terrorismo.

O governo alemão diz que a medida é necessária para detectar extremistas que estariam a planear atentados terroristas na Alemanha ou em outros países da Europa. A lei regulamenta a espionagem de instituições e indivíduos estrangeiros, tanto dentro quanto fora do país, e aumenta o controle sobre a agência alemã de espionagem.

Críticos dizem que a lei restringe liberdades individuais e o direito à privacidade, e a oposição ameaçou recorrer contra a lei na Suprema Corte da Alemanha e na Corte de Justiça Europeia.

Vários especialistas em tecnologia na Alemanha alertam ainda que para o monitoramento previsto é necessário usar lacunas de segurança existentes ou criá-las. Essas falhas tecnológicas poderiam também ser usadas por organizações criminosas.

A lei estipula ainda que, através desta actividade não pode ser descartado o facto de que as comunicações de cidadãos e entidades alemãs também podem ser acidentalmente interceptados, uma grande mudança para a agência de espionagem.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui