A Apple acabou por matar o iPhone 9?

0
2620

Até alguns dias atrás, a Samsung estava bem na frente da Apple com o lançamento do Galaxy S8 e o Note 8. Mas com a chegada do iPhone 8, 8 Plus, e o iPhone X, parece que o jogo acabou por mudar.

Quando a Apple anunciou o iPhone X (pronunciado “dez”, não “ex”) sem o botão home, também pode estar a nos preparar subtilmente para uma grande mudança, de como os telefones da Apple serão nomeados daqui para frente.

Se a Apple seguisse o padrão que nos tem acostumado desde o iPhone 3GS em 2009, desta vez teríamos iPhone 7S e 7S Plus. Em anos pares, uma actualização maior; em anos ímpares, uma actualização mais leve, seguida pelo sufixo “S”.

Se a empresa estivesse presa a esse plano, o iPhone 8 e o iPhone 8 Plus teriam iluminado o cenário em 2018, não agora em 2017.

Ao chamá-lo de iPhone X, o iPhone 9 ficam assim ultrapassado.

Então, o que vem depois? É possível que a empresa adopte uma convenção de nomeação totalmente nova? Essas questões só o tempo e a Apple poderão nos responder.

É importante ainda salientar que, a Microsoft fez um truque semelhante para o nome do Windows 10. O gigante do software ignorou o Windows 9 e foi direto ao Windows 10, mas a Microsoft fez isso principalmente para incentivar os usuários do Windows 7 a actualizar. Olhar para o seu computador  e ver o Windows 7 quando há uma versão do Windows 10 faz com que pareça muito antigo, e é um truque de marketing que ajudou a promover actualizações gratuitas.

O truque subtil da Apple significa que, os nomes dos iPhones dos próximos anos serão realmente interessantes. Veremos o iPhone 8S, um iPhone 9 ou um iPhone XS?

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here