Os satélites do SpaceX que facilitarão o acesso à Internet já estão em órbita

1685

Recentemente Elon Musk informou que informou que tem planeado o envio 12.000 mil satélites espaciais por intermédio do Space X, e como prometido, já foram lançados os primeiros em fase de teste.

Com esse lançamento, o Space X está agora um passo a mais para fornecer acesso de banda larga via satélite, pois lançou com sucesso um foguete Falcon 9 que entregou dois satélites de demonstração Starlink em órbita terrestre baixa.

A empresa está já está a trabalhar nisso há algum tempo, e os dois satélites Starlink irão ajudá-lo a testar seus sistemas para garantir o acesso à Internet para a terra antes que mais deles sejam implantados no espaço.

Por que milhares de satélites?

Os serviços tradicionais de Internet por satélite são caros e podem ser lentos devido à forma como funcionam os satélites geoestacionários. Mas, com uma constelação de milhares de satélites menores, a SpaceX pode superar os obstáculos apresentados pela distância entre eles e, poderá assim, oferecer um serviço mais rápido e acessível do que os existentes.

Para esse fim, a SpaceX tem planos de colocar milhares de satélites em órbita entre 2019 e 2024, com a esperança de que a receita gerada pelo serviço oferecido funcione para as missões para Marte.

Será uma boa opção optada por Elon Musk?