Twitter perde um milhão de utilizadores, mas lucra US$100 milhões

801

A rede social Twitter fechou o segundo trimestre deste ano com receitas acima do esperado e um resultado líquido positivo, comparando com prejuízos de mais de 100 milhões de dólares no período homólogo. No entanto, o Twitter perdeu utilizadores e antecipa que vá registar maiores descidas.

Com as notícias negativas, as acções da empresa chegaram a cair 16% na bolsa de Nova York. Segundo o Twitter, há actualmente 335 milhões de usuários activos mensais na rede social. Para o terceiro trimestre, a previsão da empresa é que esse número caia para cerca de 330 milhões, em parte devido ao combate às contas falsas.

Entre Abril e Junho deste ano, o Twitter viu as suas receitas aumentarem 24% para 710,5 milhões de dólares, um valor acima do esperado pelos analistas que antecipavam um total de 697,3 milhões de dólares.

A empresa diz que perdeu alguns usuários devido ao “Regulamento Geral sobre a Proteção de Dados” (GDPR), que entrou em vigor na Europa em Maio, mas que isso não afectou a receita. Os lucros totalizaram 100,1 milhões de dólares, ou 13 cêntimos por acção, o que compara com perdas de 116,5 milhões, ou 16 cêntimos por acção, no mesmo período do ano passado.

“Estamos confiantes de que isto serve os melhores interesses da empresa e permitirá crescimento no longo prazo, à medida que melhorarmos a ‘saúde’ das conversas públicas no Twitter”, adiantou a empresa, no comunicado onde revela os seus resultados do segundo trimestre.