WhatsApp poderá processar quem enviar mensagens em massa

1216

Nos últimos tempos o WhatsApp tem adicionado vários recursos para acabar com a disseminação de noticias falsas. Entre as iniciativas de topo, destacamos:

  1. Indicação de mensagens que possam conter as notícias falsas
  2. Limite de reencaminhamento de mensagens.

Agora o serviço de troca de mensagens decidiu ir mais distante, anunciando nesta segunda-feira (10 de Junho de 2019 ) que poderá banir e até processar usuários que desrespeitarem seus termos de serviço em relação ao envio de mensagens em massa pelo aplicativo. A medida, que visa reduzir a disseminação de conteúdo automatizado pela plataforma, entra em vigor no dia 7 de Dezembro de 2019.

Em Fevereiro de 2019, executivos da empresa já haviam informado que estavam a desenvolver um sistema de detecção e expulsão de usuários cujo comportamento fosse considerado inadequado. Isso permite barrar pessoas mal-intencionadas em várias situações: no momento de cadastro, enquanto enviam mensagens e quando são denunciados por outros usuários do serviço de mensagens. Logo, processar quem fizer uso indevido da plataforma, violando os termos de uso do WhatsApp é mais um instrumento da plataforma na luta contra as notícias falsas.

Preparado para cumprir com as novas regras da plataforma?