AngoSat-1 permitirá o acesso à Internet nas áreas remotas do país

0
5205

As vendas do primeiro satélite angolano está a decorrer à bom ritmo, visto que actualmente já foi vendida 65% da banda KU do primeiro satélite angolano. Mas uma das perguntas que não se cala é: até que ponto o primeiro satélite angolano irá beneficiar o país?

Um dos benefícios de certeza será a melhoria nos serviços de telecomunicações em Angola, como já foi salientado pelo MTTI. Uma das altas entidades do sector das telecomunicações em Angola, garantiu ainda que, o Angosat-1 vai permitir o alargamento do acesso da Internet a nível rural, atingindo todos os recantos do país.

Segundo António Nunes (PCA da Angola Cables), essa infraestrutura vai permitir o alargamento do acesso da Internet a nível rural, o que considerou muito importante.

Já para Sílvio Almada (Presidente da AAPSI), assegurou que com a entrada em órbita haverá uma redução dos custos, uma vez que os operadores poderão pagar os serviços em Kwanzas.

Para um dos clientes do primeiro satélite angolano Lambert Omalanga (Ministro das Telecomunicações e Medias do Congo Democrático), esse projecto é uma mais valia não só para Angola, mas para os países africanos que estão abrangidos pela “iluminação” do Angosat-1.

Concorda com o ponto de vista destes dirigentes?

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui