Grupo LAPSUS divulga código fonte da Microsoft

1
497

O grupo Lapsus tem vindo a ganhar notoriedade nos últimos meses, tendo já atacado várias entidades de elevado perfil no mercado, como a Nvidia, e entre as quais se encontram também entidades em Portugal como o Grupo Impresa.

Recentemente o grupo revelou que poderia ter um novo alvo: a Microsoft. A partir do Telegram, o grupo partilhou uma imagem (que foi rapidamente removida) do que seria o painel de administração interno da Microsoft, e onde se encontravam várias referências ao código-fonte de produtos e serviços da Microsoft.

Apesar de não terem sido revelados muitos detalhes na altura, o grupo agora confirmou ter realizado o ataque, não apenas à Microsoft, mas também à LG.

MAIS: Camarões e Quénia anunciam colaboração tecnológica para combater crimes cibernéticos

A partir do seu grupo no Telegram, o grupo encontra-se a partilhar dados que terão sido obtidos destes dois ataques. No caso da LG, foram divulgadas várias chaves de segurança de funcionários e contas de serviço internas, das quais se afirma que terão sido recolhidas faz mais de um ano e em dois ataques diferentes. O grupo afirma ainda que, brevemente, irá divulgar todos os detalhes e códigos associados com a infraestrutura interna da LG.

No caso da Microsoft, foram agora revelados os códigos fonte do Bing, Bing Maps e Cortana. O grupo terá obtido acesso interno às plataformas de desenvolvimento da empresa, sendo que os conteúdos agora partilhados correspondem a vários serviços da mesma.

mensagem partilhada pelo grupo no telegram

De notar que o código fonte da Microsoft que se encontra a ser partilhado ainda não se encontra completo. A mensagem indica que o código do Bing Maps encontra-se 90% completo, enquanto que o Bing e Cortana estão 45% completos.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui