Mastercard tem novo sistema de confirmação para pagamentos

1198

mastercard-facial-recognition-selfie-pay

Recentemente a Mastercard entrou para o mercado Angolano, colocando de modo operacional o seu cartão internacional de pagamento, isso foi possível através de uma parceria financeira com o Banco Sol que esteve avaliada em mais de 18 milhões de USD para um período de cinco anos.

Agora a Mastercard tem um novo sistema de confirmação de pagamento chamado “Selfie Pay“, na qual a confirmação de um pagamento é feito através uma fotografia tirada no momento da compra pelo usuário a partir do seu smartphone ou tablet.

Segundo Ajay Bhalla ( Chefe da área de segurança da MasterCard), “A melhor maneira de autenticação é identificar as pessoas pelo que elas são, e não pelo que eles (a) se lembram”, eis o motivo deste novo serviço da empresa para reforçar a segurança em questões de roubos cibernéticos.  o mesmo disse ainda que este novo sistema irá “dramaticamente” acelerar o processo de pagamento online “, ao mesmo tempo, melhorar a segurança.”

Como usar o Selfie Pay?

Para usar, basta baixar o aplicativo e tirar uma foto para que o serviço possa criar um mapa digitalizado do seu rosto, a posterior é armazenada nos servidores da Mastercard e usado como um ponto de referência sempre que quiser para completar uma nova compra online. Claro que as pessoas ainda se preocupam visto que alguém poderia usar a sua foto e coloca-la em frente a câmara para confirmar alguma compra e contornar o sistema,quanto a isso não se preocupe, visto que o aplicativo irá pedir-lhe para piscar antes de confirmar cada transacção.

Esse recurso já vai chegar à Áustria, Bélgica, República Checa, Dinamarca, Finlândia, Alemanha, Hungria, Países Baixos, Noruega, Espanha, Suécia e Reino Unido. Segue-se ensaios em os EUA, Canadá e Países Baixo. Quanto a Angola ainda não temos a certeza de quando o serviço estará disponível, mas visto que a Mastercard já opera no mercado Angolano há probabilidades que o serviço de confirmação de pagamento por selfie chegue cá.

Veja como funciona este recurso: